quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Dia do Jovem Tradicionalista


No dia 05 de setembro é comemorado o Dia do Jovem Tradicionalista, esta data é especial, é um marco para nós Tradicionalistas, eu não poderia deixar de manifestar o quanto os jovens foram e são de suma importância para o Movimento Tradicionalista Gaúcho, uma vez que eles foram os precursores.

Decorria o ano de 1947, com o fim da 2ª Guerra Mundial, o Rio Grande do Sul foi invadido pelo modismo dos norte-americanos, não se falava em mais nada que fosse nosso, o que era tradicional, de nossas raízes, era desvalorizado, o chimarrão foi substituído pela Coca-Cola, a bombacha pelo jeans, os hábitos campesinos estavam sendo esquecidos.


Foi em meio a este cenário que um jovem, estudante do Colégio Júlio de Castilhos, em Porto Alegre, que com o espírito cívico aguçado deu o primeiro passo para o resgate ao patrimônio cultural do Gaúcho. João Carlos D’Ávila Paixão Côrtes, liderando um grupo de 8 jovens formou o “Piquete da Tradição”, que no dia 05 de setembro de 1947, que realizou uma guarda em honra a patas de cavalo, na cerimônia de transladação dos restos mortais do General David Canabarro.

Após esta iniciativa, mais estudantes se engajaram ao grupo e, com maior número de adeptos, realizaram a 1ª Ronda Crioula, incentivando o povo gaúcho a tomar chimarrão, usar a pilcha, tocar as músicas gaúchas, andar a cavalo, enfim manter viva as raízes do povo Rio-grandense.

Depois de muita luta em prol desta cultura, estes jovens deram início, ao que serviria de base para a formação do tradicionalismo organizado, fundando o 1ª Centro de Tradições Gaúchas, o 35 CTG de Porto Alegre, em 1948. Devido a coragem e bravura destes 8 jovens conhecido como o “Grupo dos Oito”, hoje temos o maior movimento sócio-cívico-cultural do mundo.

Atualmente prendas e peões assumem funções importantes no meio tradicionalista. Seguindo o exemplo dos jovens pioneiros, a juventude gaúcha tem o compromisso de ressaltar a cultura do povo sul rio-grandense, hábitos e costumes, além da importante responsabilidade social, com projetos e ações práticas sobre temas de relevante importância, como o meio ambiente.

O Movimento Tradicionalista Gaúcho, vem possibilitando e estimulando a participação do jovem cada vez mais efetiva no meio tradicionalista. É através de atividades, eventos, projetos de cunho social que a juventude se mostra cada vez mais consciente de seu papel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Publicamos nossos posts novos lá no Facebook - caso desejar deixar seu comentário por lá e seguir o blog, o Repórter Riograndense te espera!