terça-feira, 30 de julho de 2019

Coloque teu filho em um CTG


Sabe as crianças cheias de energia, que tem pique de sobra, e os pais penam para conseguir acompanhar o ritmo? Coloque elas em um CTG (Centro de Tradições Gaúchas). Os ensaios semanais irão render a elas vários amigos. Os professores terão a difícil missão de ensinar maçanico, pezinho, xote carreirinho, entre outras danças. E depois de algumas horas de ensaio, voltarão para casa cansados e cheios de sono, ou cheio de histórias boas para contar.

Invernada artística de um CTG.


Sabe os adolescentes que ficam horas trancados no quarto, mexendo no celular, quase não andam pela casa, praticamente não conversam com os pais e saem raramente para encontros com os colegas de aula? Coloque eles em um CTG. Lá eles terão vários amigos que gostam dos mesmos jogos, mas esquecerão deles durante as horas de ensaio. As conversas com pais serão mais frequentes, e os assuntos serão: uma dança nova, fandangos e festas do pijama com a galera da invernada. No tradicionalismo eles encontrarão amigos para a vida toda, e que lá, durante o ensaio, esquecerão dos problemas e o foco será dançar e encantar.

Coloque teu filho em um CTG e veja ele crescer entre pessoas que preservam valores, que respeitam o próximo, que lutam e acreditam em seus ideais. Que se orgulham da história do Estado, que sonham e carregam no peito o amor pelo Rio Grande.

Coloque teu filho em um CTG e veja ele como um artista, sempre que ele adentrar a pista para dançar. Coloque teu filho em um CTG e não se arrependa nunca de ter dado a ele a oportunidade de ter sido gaúcho de alma e coração. De ter aprendido valores morais e de levar consigo a oportunidade de fazer a diferença em um mundo tão cruel e tão desumano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Publicamos nossos posts novos lá no Facebook - caso desejar deixar seu comentário por lá e seguir o blog, o Repórter Riograndense te espera!