segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

Escola do Chimarrão


Na Semana Farroupilha de 1998, foi lançado o projeto Escola do Chimarrão pela Ervateira Rainha dos Pampas de Linha Travessa, Venâncio Aires-RS, com o objetivo de difundir e estimular o hábito salutar do chimarrão, ampliando seu consumo e beneficiando, assim, toda a cadeia produtiva da erva-mate.

Logo da Escola do Chimarrão. Crédito: Divulgação/Escola do Chimarrão


Devido à repercussão e resultados altamente positivos alcançados com o trabalho desenvolvido em escolas, clubes de serviços, eventos, bric da Redenção, etc., em 05 de julho de 2004 foi fundado a ONG Instituto Escola do Chimarrão, sendo desmembrada, então, da Ervateira Rainha dos Pampas, passando a atuar como Entidade Civil, dotada de personalidade jurídica própria, sem fins lucrativos, regido por estatuto próprio, desenvolvendo atividades culturais, educacionais e artísticas, cultuando as tradições gaúchas, especialmente na difusão do chimarrão.


A Escola do Chimarrão resgata o hábito cultural e patrimônio dos gaúchos e na pesquisa sobre a erva-mate, além de incrementar o turismo, valorizando o símbolo e título do município de Venâncio Aires como a Capital Nacional do Chimarrão, exercendo importante papel no desenvolvimento cultural, educacional, social e econômico também.

Ônibus do projeto Escola do Chimarrão. Crédito: Divulgação/Escola do Chimarrão

Europa

 
A convite do comunicador Dorotéo Fagundes, do Programa Galpão do Nativismo da Rádio Gaúcha, o Instituto Escola do Chimarrão integrou o grupo de 80 gaúchos que fizeram "tour" por cinco países da Europa: França, Áustria, Itália, Alemanha e Espanha, divulgando os usos e costumes gaúchos, tradições, trajes típicos, participando da Inauguração do CTG União dos Ideais, na França.


Uma constatação importante foi a curiosidade do europeu em relação aos trajes e costumes gaúchos, em especial, o Chimarrão. Isto demonstra que as pessoas estão interessadas em saber mais sobre o chimarrão, suas formas e propriedades. Esta bebida amarga, tão apreciada pelos gaúchos, tem realmente o poder de aproximar as pessoas.


Agendamentos


Quem deseja conhecer a Escola do Chimarrão, poderá desfrutar de todas as atividades oferecidas, com agendamento:

Agendamento de visitas na escola - com Rejane R. Pastore pelo fone 51 9708 9574.

Agendamento e contato para eventos - com Pedro J. Schwengber pelo fone 51 9214 6562.

Ao visitante é oportunizado conhecer:


- Uma Indústria Ervateira

- Aspectos históricos e medicinais sobre a erva-mate e o Chimarrão

- Vídeo sobre a erva-mate e o chimarrão

- Apresentações artísticas - 36 tipos de chimarrão

- Dinâmica de prevenção ao uso de drogas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Publicamos nossos posts novos lá no Facebook - caso desejar deixar seu comentário por lá e seguir o blog, o Repórter Riograndense te espera!