quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Tchê Barbaridade

O Grupo teve sua origem no Bairro Menino Deus, em Porto Alegre no final da década de 80.

O bairro era conhecido naquele tempo por ser berço da "revolução cultural" que acontecia na música gaúcha devido ao auge dos Festivais Nativistas. Muitas casas noturnas cultuavam shows de artistas que viviam este meio, e o Barbaridade Restaurante Campeiro era uma dessas, com seu grupo da casa, o Grupo Barbaridade, com grandes influências de artistas que ali faziam shows dias de semana. O crescimento do grupo da casa foi natural, à ponto de começar a se apresentar também em Festivais Nativistas, e se encontrar melhor em bailantas, porque esse era o trabalho realizado no Barbaridade.

Nova formação do Tchê Barbaridade. O grupo completa 30 anos de estrada em 2017.


Em 5 de dezembro de 1987 estreia oficialmente o Tchê Barbaridade, fazendo um baile no Grêmio Náutico Gaúcho no próprio bairro, mas com muito público. Dali até começar a desbravar os Estados do Sul demorou somente o tempo de ser gravado o primeiro "LP" em 1989, com músicas de festivais, pela Gravadora Nova Trilha.

O segundo "LP" já com músicas próprias, destacou sucessos consagrados até hoje como Moça Fandangueira, Embalo de Vanera e Não sei Dançar. O terceiro "LP" confirmou o grupo no cenário, com "Ausência" entre outras. Do quarto trabalho (início da era CD) até os dias de hoje, no total 24 CDs e 04 DVDs, manteve-se a parceria com a Gravadora ACIT.

Tchê Barbaridade fez história por ser o grupo precursor de uma nova geração de artistas gaúchos, com uma nova mentalidade. O que foi apenas casualidade, um grupo tocando a autêntica música gaúcha, mas de uma forma mais urbana e jovem, trouxe a juventude para o gauchismo, conquistando também fãs que anteriormente não tinham simpatia pelo movimento tradicionalista, se acharam à vontade no meio mais moderno e jovem. No total são mais de 250 músicas em 03 LP´s, 24 CD´s, 04 DVD´s e inúmeras participações regionais e nacionais; muitos sucessos que ultrapassaram fronteiras, e uma boa pesquisa nos sites de música vai impressionar qualquer crítico. As mudanças no grupo sempre foram fruto da mentalidade jovem, de tentar sempre fazer com muita energia o trabalho principalmente ao vivo, com muitas viagens por vários Estados do Brasil.


O DVD atual: "Ao vivo em Bento" - pode ser assistido integralmente no site, ao menos o show, mas orientamos para que adquiram o produto em box para assistirem os extras, que na verdade é um grande passeio pela serra gaúcha, na região de Bento Gonçalves, mostrando os pontos turísticos e a culinária da região. O DVD é maravilhoso, com um show de muita energia, com destaque para "O jeito do Gauchão".

CD atual: "100% vanera ao vivo no Taim" - O Tchê Barbaridade se encanta com a Praia da Capilha na Reserva Ecológica do Taim, e grava um show maravilhoso na beira das águas da Lagoa Mirim, com expressivo público. São 19 vaneras, e de novo "O Jeito do Gauchão" é a música de destaque. Este trabalho é um presente ao público, com vasta distribuição de promocionais e também com o Download gratuito pelo site.


Tchê Barbaridade (cast artístico): Cristiano Vargas (vocal), Pablo Costa (vocal), Marcos Noms (gaita), Ronaldo “Petiço” (gaita), Paulinho Vargas (guitarra), Giovani Fraga (baixo) e Célio Araújo (bateria).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Caso desejar comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo.