quinta-feira, 10 de abril de 2014

Compondo Caminhos


Compondo Caminhos (edson Luís/ Pedro Darci/ Wilson Paim) Int. Wilson Paim

 

Tentei ser dono de meu universo
andei disperso só pensando em mim
buscava alegrias, prazer, diversão
mas insano e triste beirava meu fim

arruinei família, trabalho e moral
e a boa amizade também se perdeu
só quem passou por essa experiência
sabe o que é a droga e o quanto sofreu
//só quem passou por essa experiência
//sabe o que é a droga e o quanto sofreu

quero cheirar nada mais do que flores
pedras apenas compondo caminhos
ervas só aquelas que curam feridas
da vida a rosa e não mais o espinho
{bis}

mal querendo a doença aceitei o socorro
dos grupos de ajuda, ciência e fé
foi ato importante tratar a famíia
a união de esforços deixou-me em pé

reconquistei família, trabalho e moral
e a boa amizade jamais se perdeu
só quem passou por essa experiência
sabe o que é a droga e o quanto sofreu

quero cheirar nada mais do que flores
pedras apenas compondo caminhos
ervas só aquelas que curam feridas
da vida a rosa e não mais o espinho
{bis}

falado:
concedei-nos senhor
a serenidade necessária
para aceitar as coisas que não podemos modificar
coragem para modificar aquelas que podemos
e sabedoria para distinguir umas das outras

quero cheirar nada mais do que flores
pedras apenas compondo caminhos
ervas só aquelas que curam feridas
da vida rosa e não mais o espinho
{bis}

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Caso desejar comentar usando o Facebook, siga nossa página na rede!