terça-feira, 27 de junho de 2017

Projeto Tchê Garotos Origens

O grupo Tchê Garotos surgiu em 24 de dezembro 1995 na cidade de Porto Alegre. Desde a fundação, o grupo se destacou como um dos melhores grupos de baile do Sul do país.

Capa do segundo CD do Tchê Garotos lançado em 1998 que simboliza o projeto Tchê Garotos Origens.


Em 2005, o Tchê Garotos foi o precursor da Tchê Music, estilo que mistura vanera com outros ritmos da música brasileira como o sertanejo, forró e axé. No início, o novo estilo não bem aceito pela comunidade tradicionalista, sendo que o Tchê Garotos ficou quase 10 anos sem tocar em CTG’s (Centro de Tradições Gaúchas) e neste o grupo abandonou a bota e a bombacha.

Se por um lado os tradicionalistas mais radicais eram contra a Tchê Music, a comunidade sertaneja abraçou o Tchê Garotos. A Tchê Music teve influência no atual sertanejo universitário.

No ano de 2015, o Tchê Garotos volta usar bota e bombacha em apresentações em CTG’s e rodeios crioulos, sendo que esse retorno vou aprovado pela a maioria dos fãs do grupo.

A primeira formação do Tchê Garotos era formada por Luiz Cláudio (voz), Fernando Marinho (voz), Sandro Coelho (guitarra e voz), Markynhos Ulyian (Acordeon), Vilsonei Vieira “Sagui” (bateria), Nielsen Santos (percussão e gaita-ponto) e Leonardo Bruni (Baixo) que entrou na banda nos primeiros meses do grupo.

O vocalista Luiz Cláudio deixou o Tchê Garotos em 2005 e neste período seguir carreira solo com o grupo Tribo da Vanera. Em 2010, Luiz Cláudio se tornou vocalista do grupo Garotos de Ouro (Sandro Coelho e Markynhos Ulyian também integraram os Garotos de Ouro antes de fundarem o Tchê Garotos) e em 2015 voltou a carreira solo, agora com o grupo Baita Baile.

Fernandinho Marinho saiu do grupo no início de 2012, ficando um tempo fora da música. Retornou a música como vocalista do grupo Oiga Tchê, grupo que já foi vocalista, mas o grupo encerrou as atividades no final do ano passado.

Sandro Coelho deixou o grupo no final de 2012. Ele ficou um ano afastado da música, pois são mais de 20 anos dedicados à música e ele queria passar mais tempo com a família. Em 2014, Sandro Coelho voltou para a música, agora em carreira solo, mas continua produzindo e compondo músicas para o Tchê Garotos.

Da primeira formação apenas Markynhos, Sagui e Léo Bruni continuam no grupo. Fazem parte da atual formação do Tchê Garotos: Maikel Fernando, o novo vocalista que integra o grupo desde o início deste ano, Viny Leite, guitarrista do grupo desde 2005 e Neguinho Gil na percussão do Tchê Garotos desde 2002.

Muitos fãs – inclusive eu – pediram para que os músicos da primeira formação voltassem a dividir o mesmo palco novamente. E não que o sonho se tornou realidade!

Os músicos divulgaram em suas redes sociais o projeto Tchê Garotos Origens que reunirá seis dos sete integrantes da primeira formação. Apenas Nielsen Santos não irá participar do projeto por conta de problemas de saúde. Quando ele saiu do Tchê Garotos, Nielsen foi gaiteiro da dupla nativista César Oliveira & Rogério Melo.

A primeira apresentação do projeto Tchê Garotos Origens será no dia 12 de agosto no Clube Farrapos em Porto Alegre. Por enquanto não se sabe quais serão as outras cidades que o grupo irá se apresentar.

Como fã assumido do Tchê Garotos, me engajei pelo retorno da primeira formação do grupo, torcer para que o CTG Porteira do Rio Grande ou a IMG Produções do cantor Ivonir Machado tragam o projeto traga o projeto Tchê Garotos Origens como uma das atrações do 32º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria de 27 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018.

Se isso acontecer será a realização de um sonho pessoal meu. Hoje, se sou fã de música gaúcha é graças ao Tchê Garotos. Um dos primeiros CD’s que ganhei na minha vida foi o CD do Tchê Garotos Geração 2000, o qual guardo com muito carinho até hoje.

No meu computador tenho quase todas as músicas que o Tchê Garotos já gravou deste o primeiro CD até o último CD Bailão do Tchê Garotos lançado ano passado.

Você pode não gostar do estilo do Tchê Garotos, mas tem de respeitar a história do grupo e história pessoal dos seus integrantes. Um grande que se inspirou num dos maiores grupos da música gaúcha como Os Monarcas e hoje é uma inspiração para novos grupos que fazem sucesso na atualidade como o Estação Fandangueira, Tchê Chaleira e Grupo Bailaço mostra a qualidade do Tchê Garotos.

É TCHÊ GAROTOS NA VEIA!

Te aprochega e confira a primeira formação do Tchê Garotos se apresentando no programa Galpão Crioulo no 2000 tocando a música Nossa Pegada:



Te aprochega e confira postagens relacionados ao Tchê Garotos:





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Caso desejar comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo.