quinta-feira, 23 de maio de 2013

Dicionário Gaúcho - Letras D e E

D

DANÇAROLA, s. Bailarico, baileco, dançaleco.
DEBOCHEIRA, s. Grande troça deboche, zombaria.
DEFUNTAR, v. Morrer.
DEFUNTEAR, v. Matar, assassinar. || Terminar de consumir.
DE JEITO, adv. De forma propícia, de modo oportuno.
DENTE SECO, s. e adj. Diz-se de ou o indivíduo destemido, audacioso, valente, que não tolera desaforo, que não foge à luta.
DERREAR, s. Esmorecer, desanimar.
DESABOTINADO, adj. Insensato, adoidado, estouvado, estourado, valentão.
DESCAMBADA, s. Declive, descida de uma coxilha ou lomba para uma quebrada ou vale. O mesmo que descambado.
DESCASCAR, v. Tirar da bainha a faca ou facão. Puxar a arma branca. Desembainhar, pelar.
DESEMBESTAR, v. Disparar, o anima, não obedecendo ao freio. || Em sentido figurado, significa não obedecer a conselhos, agir obstinadamente.
DESEMBUCHAR, v. Confessar segredos, contar tudo o que sabe.
DESEMPENHO, s. Pessoa muito diligente.
DESENCILHAR, v. Tirar os arreios ou a sela de cima do animal.
DESGUARITADO, adj. Diz-se do animal desgarrado, abandonado, isolado, perdido, separado do rebanho ou dos companheiros.
DESLAVADO, adj. Desavergonhado, cínico.
DESLOMBAR-SE, v. Esgotar-se, extenuar-se, exaurir-se.
DESMANEAR, v. Tirar a maneira do animal.
DESMUNHECAR, v. Cortar o tendão das munhecas do animal para impedi-lo de andar. Quebrar ou decepar a mão de.
DESNUCAR, v. Desarticular as vértebras do pescoço. Matar a rês, fincando-lhe, na região da nuca, um estilete ou ponta de faca até que atinja a medula ocasionando morte instantânea.
DESOVAR, v. Desembuchar, revelar.
DESPACITO, adv. Devagar, pouco a pouco, vagarosamente, devagarzinho. Var.: de espacito.
DESPARRAMAR, v. Esparramar.
DESPENCAR-SE, v. Atirar-se, disparar, correr desabaladamente.
DESPILCHADO, adj. Que ou aquele que não tem pilcha, isto é, que não tem dinheiro, joias, adornos, objetos de valor.
DESTORCIDO, adj. Desembaraçado, ágil, destro, decidido. Var.: Destrocido
DINHEIRAMA, s. Muito dinheiro, o mesmo que dinheirão. "Dei uma dinheirama por essa tropa", isto é, essa tropa custou-me muito dinheiro.
DITÉRIO, s. Mexerico.
DIVISA, s. Limite entre propriedades.
DOBLA, s. Dobra moeda antiga de Portugal, cujo cunho e valor variaram-nos diversos reinados.
DOMA s. O ato de domar. Ato de amansar um animal xucro. O mesmo que domação.
DOMADOR, S. Amansador de potros. Peão que monta animais xucros.
DORMILÃO, s. e adj. Dorminhoco.

E
EGUADA, s. Manada de éguas.
EGUARIÇO, adj. Diz-se do cavalo que, na manada, só acompanha éguas; rufião, garanhão, pastor.
EH! PUXA interj. O mesmo que Eh! Pucha!
EMBIRA, o mesmo que imbira.
EMBOLAR, v. Cair de repente, como se fosse boleado.
EMBRETADA, s. Apertura, dificuldade, perigo, apuros, enrascada.
EMBRULHÃO, s. e adj. Diz-se de ou o indivíduo que causa confusão, embaraço, atrapalhação, complicação. (Fem.: Embrulhona).
EMBUÇALADO s. e adj. Enganado, logrado, iludido.
EMBUÇALAR, v. Colocar o buçal no animal. || Em sentido figurado: Enganar, iludir com boas maneiras, abusar da boa fé.
EMPACADOR, adj. Diz-se do animal, cavalar ou muar, que tem o hábito de empacar.
EMPACAR, v. Emperrar, deter-se, parar, não querer mais andar, obstinar-se em não seguir.
EMPANDILHADO, adj. Diz-se do indivíduo que anda em pandilhas.
EMPANTUFAR-SE, v. Encher-se, enfurnar-se, mostrar-se orgulhoso.
EMPEÇAR, v. Começar.
ENANCAR-SE, v. Montar nas ancas do animal.
ENCANGALHAR, v. Colocar a cangalha no animar. Colocar coisa em cangalha.
ENCARAPITADO, adj. Amontoado, superposto, trepado.
ENCILHADO, adj. Diz-se do animal que está com os arreios colocados no lombo.
ENCILHAR, v. Colocar os arreios no animal.
ENCONTRO, s. O peito do animal entre as espáduas. Usa-se geralmente no plural.
ENCORDOAMENTO, s. O conjunto das cordas; as cordas.
ENCORDOAR, v. Marchar um atrás do outro formando filas. || Aplica-se a animais e, figuradamente, a pessoas.
ENCOSTAR A MÃO, expr. Esbofetear.
ENFESTADO, adj. Diz-se do pano largo que vem dobrado ao meio na respectiva peça. Reforçado, dobrado, de compleição robusta.
ENFIAR, v. Encalistar, encabular.
ENFORQUILHADO, adj. Preso em forquilha. Montado a cavalo deselegantemente.
ENFRENAR, v. Enfrear. Colocar o freio na boca do animal, cavalar ou muar.
ENGAMBELAR, v. Enganar jeitosamente.
ENGRÓLIO, s. Trapaça, embrulho, embrulhada.
ENOVELAR-SE, v. Emparelharem-se os cavalos na carreira de forma a não se conseguir perceber qual o que leva vantagem sobre o outro.
ENQUARTADO, adj. Diz-se do vacum ou cavalar que tem os quartos bem providos de carne ou de músculos.
ENQUIZILHAR, v. Enraivecer, aborrecer a outrem. O mesmo que enquizilar.
ENRASCADA, s. Trama embaraça trapalhada, enredo, confusão, intriga.
ENREDADO, adj. Enleado nas rédeas, no laço, no aramado. Emaranhado.
ENREDIÇA, s. Trama, rede, enredo, emaranhamento, entrançado.
ENRODILHADO, adj. Embaraçado, acanhado, encolhido.
ENTECADO, adj. Enfezado, sem viço, débil, achacado. || Inerte, imóvel, sem ação.
ENTERRO, s. Tesouro enterrado, constituído de moedas de prata e de ouro, alfaias e outros valores.
ENTICADOR, s. e adj. Indivíduo implicante, que tem o costume de escarnecer de outrem.
ENTONADO, adj. Soberbo, arrogante, enfatuado, convencido, que tem entono.
ENTONCE ou ENTONCES, adv. Então, pois.
ENTREVERO, s. Mistura desordem, confusão, de pessoas, animais ou objetos.
ENTROPIGAITADO, adj. Zambo, tonto, perturbado, confuso, desnorteado, embriagado.
ENTROPILHAR, v. Formar pequena tropa, ou tropilha, de animais cavalares que tenham o mesmo pelo.
ENVIDAR, v. Jogar, apostar, arriscar no jogo.
ENXUGAR, v. Matar, assassinar.
ERMÃO, s. Irmão. É vocábulo largamente usado pela gente rústica da campanha.
ERVA s. V. erva-mate.
ESBARRAR, v. Abancar o cavalo. Parar o animal de repente, riscando a terra com as patas traseiras e quase assentando no chão.
ESCARAMUÇA s. Ato de obrigar o cavalo, por meio de movimentos de rédea e de pernas, a efetuar diversas evoluções, como arrancar para frente, voltar-se para trás, volver para a direita ou para a esquerda, parar e partir repentinamente, etc.
ESCARAMUÇAR, v. Fazer escaramuças.
ESCARCEAR, v. Levantar e abaixar briosamente a cabeça, curvando, com garbo, o pescoço. || Aplica-se aos cavalos, e, figuradamente, as pessoas.
ESCOTEIRO adj. Diz-se do cavaleiro que viaja só, sem conduzir cargueiros, sem ser acompanhado de viaturas, sem embaraço ou impedimento de qualquer espécie.
ESCUITAR, v. Corruptela de escutar.
ESMULAMBADO, adj. Tornardo em mulambos. Maltrapilho.
ESPARRAMAR, v. Espalhar, dispersar.
ESPINILHO, s. Árvore que produz uma flor amarela muito apreciada pelas abelhas. Sua madeira é ótima para lenha, prestando-se, também, para a trama da cerca.
ESQUENTADO, adj. Colérico, zangado.
ESSE s. Parte do facão ou da adaga, entre o cabo e a lâmina, com forma semelhante à da letra "S".
ESTACA, s. Pedaço de pau, fincado no chão, utilizado para amarrar a soga com que se prende o animal.
ESTADÃO, s. Luxo, grandeza. Viver num estadão: viver a La gordacha.
ESTÂNCIA, s. Estabelecimento rural destinado à criação de gado.
ESTANCIEIRO, s. Proprietário de estância. Fazendeiro.
ESTAQUEADO, adj. Esfalfado, abombado, estrompado, rebentado.
ESTICA s. Aprumo, elegância.
ESTICANTE, adj. Que estica que se pode esticar.
ESTICAR A CANELA, expr. Morrer.
ESTIVA s. Ponte tosca sobre um córrego ou arroio, feita de varas ou paus atravessados. || Grande quantidade espalhada. || Grande quantidade.
ESTIVADO, adj. Cheio, repleto.
ESTOURO, s. Dispersão, em todas as direções, dos bois de uma tropa em marcha, tomados de pânico súbito e inexplicável.
ESTRADEIRO adj. Diz-se da pessoa que anda sempre fora de casa, que vive constantemente na estrada. || Alarife, esperto, conquistador, velhaco.
ESTRAMBÓLICO, adj. Estrambótico.
ESTRANZILHADO, adj. Estafado, esfaldado, extenuado, abombado, abatido, alquebrado. || Diz-se do cavalo, e, figuradamente, pessoa.
ESTROMPADO, adj. Diz-se do animal cansado, estragado, arrebentado, estafado. || Estúpido, bronco, estouvado, quebrado, aleijado, gasto.
ESTROMPAR, v. Estafar, cansar, arrebentar, estragar, tratando-se de animal cavalar ou muar.
ESTROPIADO, adj. Diz-se do animal sentido dos cascos, com dificuldade de andar.
ESTRUPÍCIO, s. Barulho, desastre, estrépito, alvoroço, acidente, briga, incidente lamentável, ocorrência desagradável e inesperada.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado por sua participação. Seu comentário será publicado em breve. Caso desejar comentar usando o Facebook, basta usar a caixa logo abaixo.